Neste período de quarentena e isolamento social, qual tem sido nosso maior passatempo?

O uso do celular, do “tablet”, da televisão, do computador… E é comum, perdermos a noção de quanto tempo ficamos diante dessas telas.Vale a pena tomar alguns cuidados básicos com nossos olhos e nossa visão para não sentirmos dor de cabeça, sensação de areia nos olhos, olhos ressecados e/ou vermelhos, embaçamento visual que são os sintomas mais comuns após o uso prolongado desses aparelhos.

Sou Marta Parchen Oftalmologista Especialista em Cataratas e Glaucoma e deixo aqui algumas dicas, simples, para o cuidado diário:

  1. Usar os óculos (se os tiver): principalmente os óculos para leitura – para diminuir o esforço visual que os olhos naturalmente fazem para ler e assim melhorar a qualidade da visão.
  2. Lembrar-se de piscar: pois quando estamos muito atentos nestes aparelhos, quase não piscamos!
  3. Hidratação: tanto do corpo, ingerindo água, como dos olhos através do uso de lágrimas artificiais.
    Se você já tem colírio, pode pingar uma gota em cada olho, entre duas a três vezes ao dia. Se não o tenha, faça compressa com água fria, usando gaze ou algodão bem umedecido, colocando em cima das pálpebras/dos olhos fechados.
  4. Estabeleça limite de tempo de uso dos aparelhos: após uma hora de uso, descase ou relaxe o esforço visual, pelo menos 20 minutos, mudando o foco e se possível o ambiente como, por exemplo, vá até a cozinha e beba um copo de água!

Cuidados simples para a boa saúde ocular.

 

Marta dos Anjos Rodrigues Parchen
Oftalmologista - Especialista em catarata e glaucoma.
Máster em Segmento Anterior no Instituto Barraquer em Barcelona.
CRM-PR 23001

 

Tradução para Libras e Edição do Vídeo
Alexsander Pimentel
Doutorando do PPGTS - PUCPR

Voz em Língua Portuguesa
Luana Arrial Bastos
Mestranda do PPGTS - PUCPR